Quinta-feira, 5 de Maio de 2005

PALAVRAS AFÓNICAS

urs.jpg

Por ingenuidade ou mundo a mais dentro dos olhos, tendência de alucinado se calhar, eu pensava que a voz se lia nas palavras. Mesmo quando escritas. Sobretudo quando escritas.

Afinal, não. Tive de dizer nome. Não consigo escrever com a minha voz metida dentro do embrulho das letras. Uma lástima. Vou passar a falar para o teclado. Ou mudar de telemóvel.
publicado por João Tunes às 11:50
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De Joo a 6 de Maio de 2005 às 10:42
Mas os gajos do SIS tb têm aulas de Linguística e Semiótica? Para quê? Atenção, pois, caro Manuel aos gajos..


De Carlos a 5 de Maio de 2005 às 18:39
li em qualquer lado que, sobre este intrigante assunto, até já há relatório do SIS e tudo...


De Manuel Correia a 5 de Maio de 2005 às 14:23
Vou roubar este pequenino e excelente texto poético para as aulas de Linguística e Semiótica. Obrigado João.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.posts recentes

. NOVO POISO

. SOBRE A EDUCAÇÃO TESTEMUN...

. UM ÁS DO CASTRISMO

. SOBRE A EDUCAÇÃO TESTEMUN...

. SOBRE A EDUCAÇÃO TESTEMUN...

. ENTÃO, O QUE TENS FEITO ?

. O QUE TEM DE SER A EUROPA...

. O QUE TEM DE SER A EUROPA...

. O QUE TEM DE SER A EUROPA...

. QUE FORÇA É ESSA?

.arquivos

. Setembro 2007

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds