Terça-feira, 8 de Março de 2005

Por que um blogger é e outro não foi nem é ministro...

cons.jpg

A blogosfera acabaria, mais tarde ou mais cedo, por dar nisto – produzir ministros e (ainda mais) ministeriáveis.

Um ministro já cá canta. Outro, de eterno ministeriável não se dispõe a passar.

Só lamento que ao talento na capacidade de fazer do Mário Lino não se junte o brilho do intelecto do Vital Moreira. Mas não se pode tudo querer. Vamos, então, por partes.

Adenda: Já agora, permitam a nota de estranheza de não ver as notas biográficas do Sr. Ministro Mário Lino, na comunicação social, ilustradas com a referência honrosa ao facto de ele, durante o fascismo, ter pertencido à ARA (Acção Revolucionária Armada), organização dirigida pelo PCP e que tinha como alvos as infraestruturas do regime, nomeadamente o seu aparelho repressivo e de suporte da guerra colonial. E quem melhor que um engenheiro civil que militou, de dinamite na mão, para deitar abaixo as infraestruturas do regime que nos oprimiu para, em democracia, tomar conta da vitalização das obras públicas, transportes e comunicações?
publicado por João Tunes às 15:55
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.posts recentes

. NOVO POISO

. SOBRE A EDUCAÇÃO TESTEMUN...

. UM ÁS DO CASTRISMO

. SOBRE A EDUCAÇÃO TESTEMUN...

. SOBRE A EDUCAÇÃO TESTEMUN...

. ENTÃO, O QUE TENS FEITO ?

. O QUE TEM DE SER A EUROPA...

. O QUE TEM DE SER A EUROPA...

. O QUE TEM DE SER A EUROPA...

. QUE FORÇA É ESSA?

.arquivos

. Setembro 2007

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds